PROGRAMA QUALIDADE NA RECEPÇÃO

CADASTRE-SE Lembrar senha

Comprometimento: atitude que faz a diferença

Para constituir uma relação profissional sincera e duradoura, é preciso que as pessoas envolvidas entendam o temperamento, os anseios e as dificuldades dos outros. A compreensão do que acontece com o médico faz parte do processo de empatia da recepcionista (“colocar-se no lugar do outro”). Além disso, é importante que a atendente tenha em mente que precisa se comprometer com a instituição na qual trabalha.

A secretária que conhece sua importância para a clínica ou consultório atende melhor e valoriza seu trabalho. Por isso, ela precisa estar comprometida com a instituição. Isso a motiva e a faz seguir em frente. O comprometimento (que pode ser expresso como “vestir a camisa”) faz com que a recepcionista valorize o seu trabalho.

Esse é um assunto que precisa ser tratado abertamente com o médico. Alguns deles, talvez por acreditarem não possuir muito tempo disponível, não dispensam minutos importantes para conversas com seus funcionários. Mas a secretária pode, quando possível, alertá-lo sobre a necessidade de se conversar a respeito do consultório.

< VOLTAR

Últimas